• Amman Consultoria

A importância de orientar novos funcionários


Como posicionar novos profissionais contratados pelo spa para o sucesso

Sabemos que a contratação de um novo funcionário é um processo que exige diversos cuidados, atenção e muito trabalho, que não termina logo após a conclusão da contratação. O sentimento que deve permear a cada entrada de um novo membro na equipe é o da responsabilidade de posicioná-lo para o sucesso dentro do spa. Isso leva tempo, esforço e ferramentas de negócios.

Neste artigo, a Amman Consultoras de Spas vai explicar três etapas de treinamento essenciais para preparar um novo colaborador para o sucesso, para que ele possa oferecer uma ótima experiência aos clientes, gerar receita e maximizar sua eficácia.

Passo 1: Treinamento de Orientação

No mundo corporativo, a maioria dos novos funcionários passa por pelo menos um dia inteiro dedicado à imersão na empresa. Esse treinamento tem como objetivo apresentar as diretrizes operacionais da organização e as expectativas de relacionamento. Na indústria de spa, isso geralmente acontece apenas em spas de resort, ou seja, a grande maioria de mercado acaba pulando essa etapa tão importante e necessária. No entanto, nos spas onde o treinamento de orientação acontece, na maioria dos casos ele não é realizado da forma correta. Existe um processo de acompanhar o trabalho com um funcionário que já está na casa, porém não há um manual de orientação ou mesmo um manual para treiná-los. Essa prática é uma receita para o fracasso, não estabelece uma base de sucesso e nem causa uma boa impressão sobre a empresa. Por isso, as companhias de sucesso devem contar com dois manuais importantes: um livro de orientação e um manual do funcionário.

Esses documentos estabelecem profissionalismo e mostram aos novos colaboradores a seriedade do trabalho, com processos definidos, valores e uma visão clara, que são importantes para o líder e cruciais para a equipe seguir e praticar.

O manual do funcionário e a cartilha de orientação são essenciais para uma empresa. Eles fornecem uma boa base para novos colaboradores, permitindo que os líderes do spa gerenciem adequadamente o negócio, evitem ambiguidade e minimizem mal entendidos. Esses dois documentos podem ser separados ou combinados. Após a conclusão do treinamento, que deve ser realizado no primeiro dia de trabalho, os profissionais contratados assinam que o receberam, lêem e concordam em operar de acordo com as diretrizes da organização.

Passo 2: Treinamento Técnico

Para que os novos terapeutas proporcionem uma ótima experiência aos clientes e garantam sua satisfação, é necessário treiná-los em todos os itens do menu e nas oportunidades de upgrade que podem ser oferecidas. Por mais experientes que sejam, os profissionais devem passar pelo treinamento técnico. Em alguns casos, as marcas com as quais o spa já trabalha podem enviar uma pessoa dedicada para treinar novos funcionários. Isso também pode ser feito por qualquer outra pessoa do spa que seja qualificada para aplicar treinamentos, que deve incluir os rituais exclusivos, procedimentos, uso de produtos, equipamentos, limpeza, saneamento, preços, etc.

Passo 3: Habilidades de Negócios

O treinamento de habilidades de negócios é inexistente na maioria dos spas, mas é uma das etapas mais importantes do processo de contratação, treinamento de equipe e crescimento profissional. Afinal, não basta treinar apenas com conhecimento técnico, é preciso levar a sério o sucesso do funcionário, treinar a equipe nos fundamentos dos negócios e na lucratividade. Alguns dos tópicos mais importantes para incluir no manual de treinamento empresarial são:

  • Expectativa de desempenho e potencial de renda: consiste em fornecer à equipe metas mensais claramente definidas, compartilhar o plano de carreira que eles podem traçar dentro da empresa e o potencial de renda que eles podem alcançar em caso de alto desempenho.


  • Processo de consulta ao cliente: treine os colaboradores sobre a importância dos tratamentos para auxiliar o cliente a alcançar e manter os resultados desejados.

  • Recomendações de cuidados domiciliares: a equipe deve entender o quão importante isso é para a experiência do cliente, para o sucesso do seu negócio e para eles. Ensine o sistema de recomendação e implemente ferramentas para tornar o processo fácil e benéfico para todos.

  • Como se autopromover no mercado: o crescimento é muito possível quando a equipe aprende a se autopromover e fazer cross-market dentro do spa. Existem muitas estratégias fáceis para aplicar para que o time esteja preparado para aumentar sua capacidade.

  • Experiência e retenção de clientes: nada é mais importante do que a retenção. O custo para adquirir um novo cliente é muito alto e o objetivo do líder de spa é mantê-lo e retê-lo. Por isso, é extremamente necessário ensinar a equipe a oferecer experiências excelentes e memoráveis ​​para fidelizar os clientes.

Há diversos outros tópicos que podem ser incluídos em manuais de negócios e treinamento. O mais importante é iniciar a construção desses materiais. Com orientação e treinamento o sucesso do funcionário e do negócio acontecem.


6 visualizações0 comentário